Os 6 locais mais bizarros descobertos por satélites

Advertisements

Na era da Internet e das tecnologias digitais, o Olho Que Tudo Vê não é apenas um truque de um livro de fantasia, mas uma coisa tangível – uma rede de satélites. Cada segundo de cada dia o Big Brother está observando a superfície do nosso planeta através de centenas, talvez milhares de seus olhos no céu. Além de nos espionar, esses satélites às vezes descobrem coisas estranhas que de outra forma nunca veriam a luz do dia.

 

Veja aqui os 6 locais mais bizarros já descobertos por satélites

 

 

1. A aurora boreal
A maioria das pessoas só consegue ver a aurora boreal de baixo, mas graças aos satélites podemos experimentar este fenômeno sob uma luz totalmente diferente (com o perdão do trocadilho).


2. The Badlands Guardian
Isto é uma montanha? Isso é um gigante adormecido? Quem sabe! Uma coisa é certa, essa coisa em Alberta, no Canadá, só pode ser vista de um satélite.


3. A cidade perdida de Tanis
Se você assistiu “Indiana Jones e Caçadores da Arca Perdida”, você conhece a cidade de Tanis. Pensava-se que ela tinha se perdido sob as areias egípcias. Mas um dia um satélite fez algumas imagens infravermelhas e revelou a cidade perdida de Tanis!


4. O coelho rosa gigante
No topo da montanha Colletto Fava, na Itália, há um coelho cor-de-rosa de 60 metros que só pode ser visto de cima. É muito fofo e aterrorizante, ao mesmo tempo.


5. Furacão Florence
Para pessoas normais, o furacão Florence foi devastador. Uma verdadeira ira da natureza. Mas quando você vê o enorme redemoinho nas imagens de satélite, você percebe como ele era realmente horrível.


6. O deserto Atlântida
Você acreditaria que a lendária Atlântida tinha uma cidade-irmã em algum lugar no deserto? Ela foi até mencionada no Alcorão como “Iram dos Pilares”. Segundo a história, a cidade foi punida por Alá e enterrada na areia. Agora aqui está ela!

Advertisements


Loading...